Arquivo do mês: abril 2008

Mulheres-robôs

Mulher-robô

Comercial do barbeador RobotSkin da Philips. Um belo trabalho! A sutileza do jogo de sedução no final do comercial ficou instigante e provocativo. Você gostaria de ter uma robô dessas em casa? Aliás, onde afinal a casa estaria instalada?

Versão do comercial da Philips para pessoas conservadoras (a não ser que exista fetishe por aparelhos de barbear…):

Ponto de divulgação do RobotSkin da Philips. A tentativa de transmitir o mesmo clima do comercial da Philips com mulheres fantasiadas de robôs não surtiu bons resultados. Ficou deveras cômico!

Música do single “Flux” do Bloc Party (?). O clipe faz uma brincadeira com os seriados japoneses de monstros gigantes e heróis intergalácticos. Um dos vilões é uma cópia descarada de um cilônio do antigo seriado Battlestar Galactica.

O Beastie Boys já tinha feito trabalho semelhante com “Intergalatic”, com um resultado mais divertido:

Voltando as mulheres-robôs, segue link para um comercial da Heineken. Não é uma robô tão graciosa quanto a primeira, da Philips, mas é de uma geração posterior. Até se replica!

Isso tudo me fez lembrar a robô de “O Homem Bicentenário”, Galatea (acho que essa cena não envelheceu bem, poderia ser menos escrachada):

E Björk em “All is full of love”. Outro trabalho muito bom. Acho que Sony de “Eu, robô” deve muito a este clipe:

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Clipes, Ficção científica

Biscoitos Voadores Não Identificados

DVNO, o vídeo clipe do novo single do Justice, é bem legal.

Meu, nem sei quem são esses caras do Justice e nem sou muito adepto desse tipo de som. O que gostei foi a idéia de usar logos estilo “anos oitenta” ilustrando todo o clipe:

Mas, tudo bem, George Michael já tinha feito coisa parecida em Killer/Papa Was a Rollin´Stone nos anos noventa:

Ah! Foi devido ao clipe acima que o post ganhou esse título!

(Post mais estranho… no próximo vou voltar ao meu “mundinho nerd” 🙂 )

Deixe um comentário

Arquivado em Clipes

Dia da mentira

Hoje lembrei de “Cama-de-Gato”, livro de Kurt Vonnegut, falecido no ano passado.

“Cama de Gato” de Kurt Vonnegut

Essa obra é genial! De uma ironia e humor negro impagáveis! Na capa diz que foi um dos dez livros mais importantes da década de sessenta!

Recomendo a todos a leitura desse livro, que apresenta, numa mistura de ficção científica, religião e sociologia, o instigante Gelo Nove, o conceito karass (um tipo de karma) e as fomas… ah, as fomas!

“Viva pelas fomas* que o tornam corajoso, bondoso, saudável e feliz.”
– Livros de Bokonon, 1.5

*Mentiras inofensivas

1 comentário

Arquivado em Citações, Ficção científica, Humor