Arquivo da tag: DC Comics

Marvel Comics

Marvel

Eu poderia dizer que metade do ramo estadunidense de HQs de super-heróis é da Marvel Comics, mas estaria exagerando. Mesmo assim, sua importância é indiscutível!

Seu funcionário mais ilustre foi Stan Lee, o simpático, visionário, showman, “homero dos quadrinhos” e ex-diretor da editora. Podem acreditar em mim: se não fosse Lee e o ilustrador Jack Kirby, a Marvel não estaria onde está hoje!

E enquanto a DC Comics tem uma legião de heróis icônicos e mitológicos, a Marvel possui defensores da lei “humanizados”. Por exemplo, pegue o Superman e transforme-o em um rapaz nerd, com problemas financeiros, chefe aproveitador e poderes que parecem mais castigos do que bênçãos. Pronto, você tem o Homem-Aranha!

Quarteto Fantástico, O Incrível Hulk, Surfista Prateado, X-Men… todos consideram seus poderes uma sina e não uma dádiva.

Estou generalizando muito? Talvez. Mas deu para sacar a genialidade da coisa, certo? Não é para menos que a Marvel é conhecida como “A Casa das Ideias” e foi comprada pela Disney!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Quadrinhos

Watchmen

Watchmen

No ano em que finalmente chega ao cinema o quase “infilmável” Watchmen, é gratificante saber que a Panini relança a graphic novel que originou o longa-metragem.

Watchmen, com roteiro de Alan Moore e traço limpo e seguro de Dave Gibbons, foi lançado pela primeira vez no Brasil na década de 1980. Uma obra concebida por dois grandes artistas ingleses, sob o selo da DC Comics, e que nada mais é que um best-seller e obra-prima definitiva sobre super-heróis.

Calma! Com “definitiva” não quero afirmar que nada mais de bom foi feito desde então. Muito pelo contrário, claro. Mas Watchmen é sem sombra de dúvidas um divisor de águas e se nós, simples mortais, ainda temos dúvidas profundas de nosso lugar na existência, pelo menos não precisamos mais dizer o mesmo do universo dos super-heróis. Afinal, na obra, Moore define muito bem “de onde vieram” os combatentes da justiça, “o que são” e “para onde vão”.

DE ONDE ELES VIERAM?
Com engenhosos flashbacks, Watchmen mostra os Minutemen, grupo de heróis dos anos 1940, época mais simples e inocente, onde os adversários da lei e da liberdade eram bem melhor delineados. E é nesse passado, ricamente detalhado na HQ, que Moore monta sua complexa trama. É na origem dos super-heróis que também nascerá o grande mal. A sombria ameaça que permeará a história e fulgurará implacável nas últimas páginas da revista.

O QUE ELES SÃO?
No presente (ou no presente de 1985), os Watchmen assumem a bandeira da justiça. Mas esses heróis, herdeiros dos extintos Minutemen, vivem numa época muito conturbada. As fronteiras entre o bem e o mal não estão mais nitidamente demarcadas. Eles são falhos e desacreditados.

PARA ONDE ELES VÃO?
Moore, implacavelmente, também apresenta o futuro dos super-heróis. Quem será ele? O quase-deus Dr. Manhattan? Não, esse é apenas o “ser absoluto”! Assustadoramente, aquele que guiará a humanidade talvez caminhe entre o bem e o mal, entre o heroísmo e a vilania. Mas para saber quem é, você precisa ler Watchmen…

Watchmen, edição especial da Panini, é apresentada em dois volumes (212 páginas cada) e totalmente recolorida!

Deixe um comentário

Arquivado em Quadrinhos